vivendo sem o álcool!



Eu só tinha que admitir que não era a ultima dose que me levava à destruição e sim a primeira! O álcool não era ponte para as outras drogas, ele por si só, já era a própria droga!
Achar que o álcool é diferente das outras drogas, destrói completamente muitos adictos, pois não existe nenhum diferencial.
O álcool é uma droga potente e licita, mas destrói em gênero igual a qualquer outro alterador de humor.
Hoje, quando vou a uma festa, já é tão automático eu responder não para o álcool, que às vezes, eu mesma me impressiono.
Antes, era um sacrifício! Parecia que o mundo se divertia usando álcool e só eu não.
Acho incrível as pessoas se espantarem quando digo que não bebo.
Deveria ser o contrario!
Quando digo que não quero beber as pessoas querem saber por quê.
Eu simplesmente não tenho que ficar dando explicações... Apenas digo que não bebo por que não gosto!
Hoje, quando saio para me divertir ou quando chego a alguma festa, ou show, vejo todo mundo bebendo e por alguns instantes me sinto excluída, pego minha garrafa de água ou refrigerante e fico na minha.
Depois de algumas horas, vendo as pessoas beberem, já estou agradecendo a meu poder superior por eu não ter bebido.
Assisto de camarote, os micos de quem estava bebendo!
Então, tiro onda!

Não se apegue às pedras do caminho

Sua vida pode ser um grande fardo, graças às pedras que você vem levando junto pelo caminho. E não se engane: as pedras que ger...