Essa é a minha história e não me envergonho dela!



Quando minha sogra soube que eu estava escrevendo um livro, ela me falou:
Você não vai colocar seu nome verdadeiro no livro, né?
Eu disse: Vou sim, por quê?
Ela falou:
Todo mundo vai ver sua vida exposta.
Eu disse:
Não tem problema, essa é a minha vida, minha historia, e, ao negá-la, estaria negando a minha própria existência!
Se eu não contar tudo que passei, todo esse sofrimento poderia se perder no tempo, para sempre, e tudo que passei, teria sido em vão.
Quero escreve-lhes meu nome real, porque isso não é uma ficção eu realmente estive no inferno e consegui sair de lá.

Não se apegue às pedras do caminho

Sua vida pode ser um grande fardo, graças às pedras que você vem levando junto pelo caminho. E não se engane: as pedras que ger...